Rua Capuraque, 72 - Belo Horizonte - Floresta \ MG 31 3654-4895

Seguro predial: os 3 motivos para contratar um para o seu condomínio

Gostou? compartilhe!

Seguro predial: os 3 motivos para contratar um para o seu condomínio

Digamos que aconteça um alagamento que danifique os carros na garagem do seu prédio. Provavelmente você vai logo se perguntar: “Por que não fizemos um seguro predial, com coberturas adicionais?”.

Isso mesmo: o seguro predial obrigatório não é suficiente para indenizar condôminos em relação a muitas situações que possam causar danos ao imóvel. Torna-se necessário, portanto, a contratação de uma apólice de seguro que ofereça coberturas adicionais, prevendo a possibilidade de riscos causados por uma quantidade maior de eventos.

No post de hoje veremos diversos motivos para contratar o seu seguro predial. Acompanhe!

Saiba como o seguro predial obrigatório funciona

Nos anos 60, a lei do condomínio estabeleceu que quaisquer tipos de condomínios, sejam eles residenciais ou comerciais, devem contratar um tipo específico de seguro obrigatório. Este seguro obrigatório de condomínio pode possuir cobertura básica simples ou cobertura básica ampla.

A cobertura básica simples protege somente contra quedas de raios, incêndios e explosões de forma geral. Já a cobertura básica ampla oferece amparo para danos causados por diversos eventos, com exceção das ocorrências excluídas, as quais estarão descritas no próprio contrato da apólice.

É possível contratar também, juntamente com as garantias básicas, itens adicionais de acordo com a necessidade de cada condomínio.

Informe-se sobre um fato recente

O jornal A Tribuna noticiou, em 22 de agosto de 2016, que uma forte ressaca atingiu a orla de Santos. A maré alta fez com que as águas atingissem cerca de 1 metro na avenida da praia. Diversas garagens de prédios foram inundadas. Uma grande quantidade de carros oi danificada, houve inclusive um veículo que pegou fogo por conta de um curto-circuito. O fato triste é que sabemos que nem sempre todos possuem seguro.

Neste caso, um seguro predial com cobertura básica simples não adiantaria nada.

Conheça 3 motivos relevantes para contratar um seguro

Várias situações que podem ocorrer em condomínios tornam indispensável a cobertura indenizatória dos seguros. Mas, podemos distinguir 3 como principais:

1. Não dá para ter certeza de que tudo vai dar certo

Problemas entre condôminos e acidentes em áreas comuns do prédio podem acontecer. É melhor estar preparado para todos estes tipos de situação.

2. Fenômenos naturais são muitas vezes destrutivos

Desde quedas de raios que podem danificar as instalações elétricas dos edifícios, até alagamentos que inundam garagens e avariam automóveis. Tudo precisa estar contemplado.

3. A criminalidade pode surgir em qualquer lugar

Furtos em apartamentos ou mesmo em áreas comuns são terríveis. Uma boa cobertura poderá indenizar vítimas, favorecendo um convívio diário agradável entre os moradores.

Analise tipos importantes de cobertura

Entre os tipos de coberturas que podemos encontrar, destacam-se:

Responsabilidade civil do condomínio

Indeniza vítimas de acidentes nas dependências do prédio, como os ocorridos em piscinas e academias. Além de recompensar danos causados por quedas de objetos de janelas ou varandas.

Responsabilidade civil do síndico

Reembolsa vítimas que, devido a uma má administração ou falta de cuidado não intencional por parte do síndico, venham a sofrer prejuízos.

Cobertura para veículos

Protege proprietários contra roubos, colisões e incêndios ocorridos nas garagens dos condomínios.

Vida e acidentes pessoais de funcionários

Cobre indenizações especificadas em contrato para acidentes que causem invalidez ou morte de funcionários no condomínio. Geralmente inclui auxílio funeral.

Veja riscos que o seguro não cobre

Alguns eventos que os seguros geralmente não cobrem chegam a ser engraçados, vejamos 2 deles:

Atos de hostilidade de guerra

Caso passe um avião inimigo e lance uma bomba sobre o condomínio, não há cobertura.

Radiação causada por armas nucleares

Nesse caso, provavelmente o governo cuidaria de tratar as instalações do prédio. Mas, nem conte com o seguro para isso.

Vale a pena prestar atenção aos detalhes no momento da contratação do seguro, realizando um levantamento cuidadoso sobre problemas que possam acontecer. O valor do seguro poderá ser bem razoável quando diluído entre todos os moradores.

Aproveite e compartilhe este artigo com outras pessoas em suas redes sociais! Afinal, o seguro predial certo proporciona mais tranquilidade para a vida de síndicos e condôminos.




Gostou? compartilhe!

Whatsapp CONCEITO Whatsapp CONCEITO